PIS 2017 Saiba tudo Aqui

Saiba mais sobre o PIS 2017

PIS 2017 – O PIS (Programa de Integração Social) teve sua criação através da Lei Complementar n°7/1970. Ele foi instituído para permitir aos funcionários do campo privado determinados benefícios, tendo como objetivo integrá-los junto às empresas onde atuavam. Quem cuida do seu pagamento é a Caixa Econômica Federal (CEF).

Já os empregados do setor público possuem o Programa de Formação do Patrimônio do Servidor Público (PASEP), pelo qual o Governo do Brasil, Estados, territórios e cidades colaboram junto a um fundo voltado aos trabalhadores. O encarregado pelo seu pagamento é o Banco do Brasil (BB), e a Lei que o fundou é a n°8/1970.

PIS 2017

PIS 2017-2018

Há diversos tipos de recebimentos pertinentes ao PIS, consistindo nas quotas, rendimentos das quotas e abono salarial.

Desde que o PIS foi criado até o início do mês de outubro de 1988, os empregados recebiam os depósitos dos valores do benefício em contas próprias.

Veja também:

Porém, após essa data os valores começaram a ser enviados ao Fundo de Amparo ao Trabalhador (FAT), sendo usados para custear o seguro desemprego, abono salarial e o financiamento de programas e projetos de desenvolvimento econômico do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES).

Os empregados que não haviam retirado as quotas até esse dia limite, passaram a ganhar rendimentos todos os anos em cima do saldo que restou. Todavia, há possibilidade de se sacar esse valor das quotas de forma integral caso se obedeça a requisitos pré-determinados, que você poderá encontrar no seguinte link.

Já os critérios para saque dos rendimentos são mais simples, podendo serem retirados todo ano com o cartão cidadão num dos correspondentes da CEF ou numa das suas agências bancárias.

É possível sacar os rendimentos em conjunto com o abono salarial. Só ficar atento às datas estipuladas pelo calendário feito pelo Conselho Deliberativo do Fundo de Amparo ao Trabalhador (CODEFAT). Porém, se os rendimentos não forem sacados, eles serão a integrados junto o saldo restante das quotas.

Quem tem direito ao PIS 2017

Possui direito ao Abono Salarial, aqueles empregados que se enquadrem simultaneamente às condições seguintes:

  • Possuir cadastro junto ao PIS/PASEP por pelo menos 5 anos;
  • Ter ganho do empregador Pessoa Jurídica (com inscrição CNPJ) que contribui para o PIS/PASEP, uma remuneração mensal de até 2 salários mínimos em média. Isso no ano-base usado para a imputação do benefício;
  • Ter desempenhado atividade remunerada por no mínimo trinta dias, consecutivos ou não, no ano base considerado para o levantamento do benefício;
  • Possuir seus dados profissionais informados corretamente pelo empregador na Relação Anual de Informações Sociais (RAIS) do ano-base levado em consideração.

Calendário PIS 2017

O calendário de pagamentos do programa é estabelecido pelo Conselho Deliberativo do Fundo de Amparo ao Trabalhador (CODEFAT). Ele pode ser encontrado no link.

Como consultar PIS 2017

Para ver o valor do PIS 2017 (abono salarial, quotas ou rendimentos) é necessário ir até uma agência Caixa com seus documentos pessoais ou com o cartão cidadão. É possível consultar o valor de modo online no seguinte link.

Quando e onde sacar PIS 2017

A responsável por pagar o PIS é a Caixa Econômica Federal. Para sacar o PIS, o interessado precisa ir a uma das agências desse banco ou num dos seus correspondentes autorizados, como as lotéricas.

A Caixa também permite aos seus correntistas receber o valor diretamente em suas poupanças ou contas correntes. É necessário apenas ter movimentação na conta nos últimos meses, além de saldo positivo nela.

Valor do PIS 2017

O valor do abono equivale a um salário mínimo atual. Já o valor das quotas e rendimentos dependem de quanto é o saldo de quotas do trabalhador.

PIS 2017 Saiba tudo Aqui
5 (100%) 5 votes

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *